SBT já vê no retrovisor a Band avançar!

José Armando Vannucci
José Armando Vannucci - José Armando Vannucci
4 Min Read
Rebelde
O que você encontra na matéria

O SBT tem muitas questões a resolver nos próximos dias e a principal delas é a escolha e oficialização do novo diretor artístico. O profissional que substituirá Fernando Pelégio chegará ao cargo com a necessidade de dar respostas e frear a maior crise que a emissora de Silvio Santos atravessa. A Coluna do Vannucci mostrou (veja aqui) que a média anual foi reduzidas a 65% do auge do SBT, em 2001. Ou seja, perdeu 6 de cada 10 telespectadores.

- Continua após a publicidade -

Os números atuais preocupam e caem a cada dia. E essa queda traz um novo concorrente. Se antes, os executivos da Anhanguera estavam de olho nos resultados e no que se fazia na Barra Funda, agora o olhar está voltado para o bairro do Morumbi. Isso porque a Band tem encostado no SBT em vários momentos, principalmente com os programas exibidos entre 12h e 20h30, ou seja, do Jogo Aberto até o Jornal da Band, as atrações mais eficientes da TV da família Saad.

A tarde em números

Nesta segunda-feira, na média/tarde (12h às 18h) o SBT empatou com a Band em 2,9 pontos. Entretanto, no share o placar foi 7,1% para a Band e 7,0% para o SBT. Nessa faixa, a Globo liderou com 11,9 pontos (29% de share), Record marcou 7,0 pontos (17% de share) e a Rede TV com 0,4 pontos (0,8% de share). As plataformas digitais somadas conquistaram 7,8 pontos (19% de share). E nesta segunda-feira de temperaturas altas em São Paulo o índice de televisores ligados estava menor.

- Continua após a publicidade -

Nesta segunda-feira, Chiquititas fechou com 3,4 pontos (8,3%), Rebelde caiu para 2,5 pontos (6,1%). O Fofocalizando fechou com 2,5 pontos e 6,1% de share e, mesmo que falem que o programa está no ar porque fatura, está claro que sua linha editorial não é que poderá mudar o cenário geral do SBT à tarde. Na sequência, Meu Pecado fechou com 3,5 pontos (6,8% de share), praticamente empatado com o Brasil Urgente. E Um Refúgio para Amor conquistou 4,6 pontos e 7,7% de share. À noite, com a pré-estreia de A Fazenda 15, o Programa do Ratinho perdeu a vice que geralmente conquista.

Exibido das 13h às 14h30, o programa Os Donos da Bola fechou com 3,1 de média, o equivalente a 7,5% de share. Nessa faixa, o SBT atingiu 3,2 pontos (7,7%), a Globo ficou com 11,7 pontos e a Record com 7,8 de média. Exibido das 14h30 às 16h, o Melhor da Tarde marcou 1,7 pontos contra 2,3 pontos do SBT.

- Continua após a publicidade -

70% a menos de audiência

Estudo exclusivo que a Coluna do Vannucci teve acesso sobre o desempenho do SBT nos últimos 23 anos aponta que no período da tarde, na comparação entre 2001 e 2023, a queda de audiência nesta faixa chega a perto de 70%. Em 2001, a emissora de Silvio Santos fechou na média/tarde (12h às 18h) com 10,9 pontos e 27,4% de share. Dez anos depois, em 2011, com uma Record mais competitiva à tarde, o SBT fechou este período com 6,1 pontos e 15,4% de share. Ano passado, bateu no fundo com 3,7 de média e 8,6% de share. Em 2022, o Casos de Família foi tirado do ar. Até 15 de setembro, a tarde do SBT repete o número do ano passado e as projeções não são nem um pouco animadoras.

Inscreva-se

Compartilhe essa publicação
Comentários

Deixe uma resposta