Menos pessoas assistem TV em São Paulo no mês de setembro

José Armando Vannucci
José Armando Vannucci - José Armando Vannucci
2 Min Read

O paulistano assistiu menos televisão em setembro. Dados obtidos pelo Canal do Vannucci apontam que no mês passado houve uma pequena queda na média/dia da quantidade de televisores ligados. Esse índice ficou na casa dos 42%. Com isso, na Grande São Paulo, as audiências das principais emissoras ficaram menores.

- Continua após a publicidade -

O SBT foi a que mais caiu em setembro. Foi uma redução de 8% na média/dia (07h às 24h), que ficou em 3,5 pontos e 8,5% de share. A Globo registrou uma redução de 5% em sua média. A emissora alcançou 13,4 pontos e 32% de share. Mesmo com essa queda, a TV da Família Marinho mantém uma grande folga na liderança.

Já a Record conseguiu crescer 2% na audiência em comparação ao mês de agosto e fechou com 5,3 pontos e 12,8% de share. A média/dia foi puxada principalmente pela estreia de A Fazenda e os bons resultados da série Reis. O streaming registrou o mesmo índice de crescimento (2%) e fechou o mês de setembro na vice-liderança na média/dia com 8,6 pontos e 20,5% de share. Os canais pagos ficaram estacionados em 3,4 de média e 8% de share.

- Continua após a publicidade -

Estabilizado no país

Streaming avançam em todo país
Streaming avançam em todo país

No PNT (Painel Nacional de Televisão), a situação não foi muito diferente. O índice de televisores ligados fechou em 41%, um pouco menor em relação ao mês de agosto. Na média/dia ()7h às 24h), a Globo fechou com 14,0 de média e 34,1% de share. O streaming também ocupou a segunda colocação no PNT com 9,1 pontos e 22,1% de share. A Record fechou com 5,0 pontos e 12,2% de share. Na sequência, os canais pagos marcaram 3,6 pontos e 8,8% de share. Já o SBT ficou com 3,2 na média/dia e 7,7% de share.

Inscreva-se

Compartilhe essa publicação
Comentários

Deixe uma resposta