Todo poderoso deixa o comando do jornalismo da Globo

José Armando Vannucci
José Armando Vannucci - José Armando Vannucci
5 Min Read
Ali Kamel deixará comando do jornalismo da Globo
Ali Kamel deixará comando do jornalismo da Globo
O que você encontra na matéria

Mais um dos grandes nomes da Globo deixará a emissora. Ali Kamel, o atual número 1 do jornalismo da Globo, sairá do comando da linha editorial da emissora em dezembro, quando Ricardo Villela assumirá a direção-geral do jornalismo da Globo. Essa é uma das mudanças mais emblemáticas na empresa e deixa claro que a fase de transição de poder está em sua fase final. Desde que Paulo Marinho assumiu como diretor-presidente, o comando de vários departamentos e estruturas foram alterados e adequados ao pensamento do novo presidente, o que aponta para uma nova realidade nas decisões.

- Continua após a publicidade -

Villela é o atual diretor-executivo de Jornalismo e entrou na emissora em 2005. Seu crescimento na emissora foi rápido. Ele foi editor de política, editor-executivo e editor-chefe do Jornal da Globo, coordenou o Jornal Nacional, chefiou a redação de São Paulo, dirigiu a redação de Brasília e ocupava, há dois anos, a diretoria-executiva de Jornalismo. A partir do ano que vem, Miguel Athayde, atual diretor da GloboNews, assume a direção executiva do departamento e Vinícius Menezes focará com o comando da GloboNews. Ali Kamel, que há 34 anos está no Grupo Globo, ocupará a recém-criada função de coordenador do Conselho Editorial do Grupo Globo, presidido por João Roberto Marinho.

Comunicado Oficial

Segundo comunicado assinado por Paulo Marinho, as mudanças no jornalismo da Globo surgiram depois que, “em julho do ano passado, procurou a mim e ao João Roberto Marinho para falar de planos para o futuro. Após intensos 34 anos dedicados a funções executivas no Grupo Globo, 22 deles na Globo, disse que gostaria de desacelerar. Passada a surpresa inicial, já que Ali está no auge de sua capacidade de pensar jornalismo e gerir redações, procuramos entender suas motivações. Em primeiro lugar, o desejo de experimentar uma rotina diferente da exigida pelos desafios diários dos cargos de liderança em jornalismo. Ao Ali, nunca faltou entusiasmo pela profissão”. O texto também destaca que Ali Kamel deixou suas marcas na cobertura de seis eleições presidenciais e cinco eleições municipais, além de quadros e momentos especiais como ‘Caravana JN’, ‘JN no Ar’, ‘O Brasil que eu quero para o futuro’ e ‘Brasil Em Constituição’. “Foi dele também, em 2002, a ideia ousada de entrevistar os candidatos à presidência durante o ‘Jornal Nacional’, algo até então inédito e que hoje se tornou um evento central, aguardado e muito esclarecedor das campanhas eleitorais”, pontua o comunicado.

- Continua após a publicidade -

Até o dia 31 de dezembro, Ali Kamel, Ricardo Villela e Miguel Athayde trabalharão juntos na transição de poder do departamento de jornalismo da Globo e em todos os ajustes que serão necessários na estrutura e na equipe.

Bastidores

Nos bastidores da Globo, principalmente no Rio de Janeiro, já era possível perceber sinais bem claros de que mudanças no comando do jornalismo estavam a caminho. Primeiro a Globo trocou o comando do entretenimento, da produção e da programação, além de outros setores administrativos. “Uma hora chegará aqui porque a empresa tem um novo diretor-presidente” era uma frase comum quando a conversa era sobre essa sensação de ajustes. Além disso, durante um longo e difícil processo de enxugamento do departamento, com a demissão de repórter e produtores que marcaram a história da Globo e, por consequência, com salários mais altos, Ali Kamel foi muito criticado internamente por sua postura nesse processo e eram Ricardo Villela e Miguel Atahyde os responsáveis por levar informações às equipes de como ficariam as redações a partir desses cortes.

- Continua após a publicidade -

Nesta terça-feira, logo após o comunicado oficial circular pela emissora, muitos afirmam que outros desligamentos deveram acontecer em posições de comando, mas nenhuma com um grande impacto como esse.

Compartilhe essa publicação
Comentários

Deixe uma resposta