Sertanejos Gino e Geno são destaques no Terra da Padroeira

Lúcia Corrêa
3 Min Read
Gino e Geno

A dupla Gino e Geno, cuja dupla teve sua primeira formação em 1965, teve o primeiro disco gravado em 1970. Os mineiros, então, abriram as portas para o lançamento de vários outros. Em uma longa trajetória, a dupla gravou canções que são sucesso até os dias de hoje, como “Ela Chorou de amor”, “As águas do São Francisco”, “Nossa Senhora Aparecida” e tantos outros. Após quase 50 anos de carreira, Geno, segunda voz do duo, decidiu deixar os palcos e se dedicar à família. Gino continuou a trajetória, agora, com Mauro Avante, que assumiu o posto de Geno. Juntos, já lançaram uma nova música: “Cuiabana”.

- Continua após a publicidade -

Esses feras do sertanejo raiz são destaque do Terra da Padroeira deste domingo (8), às 9h30, na TV Aparecida. E além de outros artistas que irão se apresentar no palco, Tonho Prado estará no Santuário Nacional, interagindo com os devotos e mostrando alguns itens de artistas que doaram suas peças em agradecimento à Padroeira do Brasil. Atualmente os objetos estão em exposição na Sala das Promessas.

Outras participações

- Continua após a publicidade -

O Apresentador do Terra da Padroeira, Kleber Oliveira, também receberá Mogiano e Mogianinho. Em 1957, por incentivo da família e amigos, surgiu a dupla “Irmãos Moreno” (José dos Santos Moreno e João Cleto). Como eram naturais de Mogi-Mirim, interior do estado de São Paulo, adotaram o nome artístico de “Mogiano e Mogianinho”. Permaneceram por oito anos com a antiga Rádio Nacional (hoje Rádio Globo). E, na década de 70, foram para a TV Bandeirantes e Globo. Nessa época fizeram parte da famosa “Caravana do Bolinha” viajando por mais de um ano. Depois passaram a viajar por uma temporada com seus ídolos: Tonico e Tinoco. Eles ainda participaram de três filmes: “Chumbo Quente” com a dupla Léo Canhoto e Robertinho, “Fuscão Preto”, junto com Xuxa Meneghel e Almir Rogério, e por último tiveram uma participação no filme “A Volta do Jeca”. E ao longo da carreira gravaram 10 discos, e ainda um CD em “Tributo a Tonico e Tinoco”, relembrando os grandes sucessos da dupla. Algumas das músicas de seu repertório com grande êxito são: “Dois Morenos”, “A caminho do sucesso” e “Minha Terra”.

Luccas e Vinicius também participam deste domingo. A dupla que começou nos festivais sertanejos lançou, em 2020, o álbum “Brutos”, que bateu mais de 1 milhão de plays.

- Continua após a publicidade -

E quem fecha as apresentações é Nando Moreno, de Morro do Chapéu (BA). Desde sempre cultivou o gosto pela música sertaneja e ouvia sempre seus ídolos Milionário & José Rico e João Mineiro & Marciano. Em 2010, o cantor e compositor gravou o CD “Submisso à Você”, que teve uma grande aceitação do público.

Terra da Padroeira, domingo, às 9h

- Continua após a publicidade -

 

Inscreva-se

Compartilhe essa publicação
Comentários

Deixe uma resposta